4 dicas para criar conteúdo mobile

“Responsivo”, “amigável em dispositivos em móveis” e “otimizado para mobile” são frases que nos acostumamos a ouvir nos últimos anos. Manter o desenvolvimento mobile em mente é mais importante do que nunca, mas o que constitui um conteúdo amigável para essa plataforma?

4 dicas para criar conteúdo mobile

Nesse post daremos 4 dicas para você criar um conteúdo mobile de qualidade para o seu negócio.

 

Porque se preocupar com o mobile?

Antes de qualquer coisa, é importante considerar o porquê disso tudo.

Pra começar, o Google deixou bem claro o quão importante é possuir um conteúdo responsivo ao atualizar as regras para que o seu ranking de pesquisa dê preferência para sites que funcionem 100% em dispositivos móveis. A imagem abaixo resume o que o Google espera de um site responsivo.

 

4 dicas para criar conteúdo mobile

 

Além da atualização do Google, existem outras três razões para você manter a otimização para mobile no topo da sua lista de prioridades:

 –  Um mês após a atualização, o Google anunciou oficialmente que as pesquisas através de dispositivos móveis haviam ultrapassado as pesquisas por computador

– Uma nova atualização foi feita em maio para ampliar o efeito no ranking dos sites responsivos

– O Google apoia projetos de aceleração na construção de páginas mobile. Esse é um indicador claro que o futuro do marketing esta intrinsicamente ligado ao conteúdo mobile

 

Você deve pensar o que significa ter um site amigável para dispositivos moveis tanto da perspectiva dos sistemas de busca quanto dos usuários. Não é apenas uma questão de penalidade dos mecanismos de busca.

 

1 – Pare de adaptar seu conteúdo desktop para mobile

Os publicitários costumam criar com o computador em mente e depois fazem uma migração pouco eficiente desse conteúdo para o mobile. Essa prática vai contra os princípios da indústria e acaba gerando retrabalho para os envolvidos.

 

Adote uma postura de pensar também no mobile ao invés de deixa-lo em segundo plano. Pensar no mobile e desktop em conjunto é mais produtivo e eficiente do que trabalhar uma versão e depois adaptar.

 

Você não deve abandonar o desktop para se focar somente no mobile. O ideal é adotar estratégias de marketing pensando no trabalho conjunto entre as duas plataformas.

 

Você encontrará resultados diferentes conforme a sua abordagem. Entre as mais comuns:

– Criar conteúdo de acordo com a relevância do dispositivo

– Estabelecer diferentes tipos de conteúdo para mobile e desktop

– Modificar a peça criada baseada no dispositivo utilizado pelos usuários

 

Não importa o caminho que você siga, o mobile deve ser uma das suas prioridades.

 

2 – Melhore as suas chamadas

Não é nenhum segredo que as chamadas, slogans ou títulos, são um dos aspectos mais importantes da criação.

 

Não importa o quão boa seja a sua peça, uma chamada ruim significa menos visualizações. As pessoas possuem acesso a uma infinidade de informações, e os títulos são a única forma deles definirem se vale a pena perder tempo com aquele conteúdo, caso contrário eles não clicam.

 

No mundo mobile os títulos são ainda mais importantes. As pessoas se distraem mais facilmente utilizando um smartphone ou tablet. O título as vezes é a única coisa que o usuário vai ver graças ao tamanho diminuto de algumas telas.

 

3 – Pense em uma estrutura diferente para o conteúdo mobile

Esse tópico também é relacionado com o pouco espaço disponível nas telas de celulares. Se você tem um título que funciona, você precisa de um conteúdo tão eficaz quanto. As primeiras linhas do seu texto devem ser concisas e prender a atenção do leitor. Se você decidir iniciar com uma imagem, ela deve ser colorida, gerar engajamento e ser relevante com o restante do artigo.

 

Os usuários que assimilam conteúdo pelo smartphone não necessariamente leem menos do que quem usa um computador, eles apenas leem de uma forma diferente. Grandes blocos de texto, por exemplo, são tediosos de se ler mesmo em computadores. Em dispositivos móveis eles são ainda mais difíceis de se ler.

 

O conteúdo para smartphones deve ser tão rico e engajador quanto dos computadores, mas deve ser mostrado de uma forma mais fácil de ser digerido e gerar uma satisfação instantânea.

 

4 – Reconsidere o que “amigável em dispositivo móvel” significa

“Amigável em dispositivo móvel” é normalmente um sinônimo para “responsivo”. Publicitários e designers vão apenas garantir que um determinado conteúdo seja visualizado corretamente em diferentes telas.

 

Mas, recentemente, alguns publicitários perceberam que essa definição precisa ser reformulada. Ser responsivo é muito importante, mas existem outros fatores que contribuem para um conteúdo mobile de alta qualidade.

 

Como os usuários de smartphone consomem o conteúdo? Como eles interagem com ele? Para onde eles olham na tela do celular em comparação com a do computador? Essas são questões que você deve se perguntar antes de criar uma estratégia para dispositivos móveis.

 

Claro que é importante preencher todos os requisitos do Google. Mas também é muito importante criar o seu conteúdo de acordo com as preferências do seu público.

Em conclusão, um conteúdo mobile de alta qualidade não depende do quanto você escreve e sim de como você escreve.

 

Fonte: WEbPageFX

You may also like...