Logística e transporte: relatório aponta tendências para o setor

Um novo relatório realizado pela Tópico, empresa especializada em armazenamento, apontou quais são as principais tendências para o setor de logística e transporte no Brasil em 2020.

Intitulado “As 8 tendências para o setor logístico em 2020”, o estudo traça um panorama sobre alguns pontos como cenário econômico, investimentos, armazenagem, geração de empregos, entrega no mesmo dia, monitoramento e análise e segurança de dados.

Logística e transporte: relatório aponta tendências para o setor

O estudo se apoiou no contexto macroeconômico para apontar, de fato, quais tipos de soluções terão aderência neste ano, criando uma projeção mais realista do setor. 

Abaixo você confere os principais pontos divulgados pelo estudo:

Contexto político-econômico

Dentro do e-commerce, o setor de logística e transporte é um dos mais sensíveis em relação ao contexto político e econômico, pois esse cenário dita o aquecimento ou não do consumo e, consequentemente, o bom funcionamento do setor.

Em relação ao crescimento econômico, dois grandes estudo mostram um aumento de 2% no PIB do Brasil para 2020, o relatório de Perspectiva Econômica Global, realizado pelo FMI e a pesquisa Focus feita pelo Banco Central.

Apesar disso, o investimento do Governo Federal em infraestrutura de transporte será o menor em 16 anos, com um orçamento de R$5,29 bi, 31,1% menor que o investido em 2019.

Essa queda no investimento mostra que será necessário muito planejamento e um gerenciamento cuidadoso na demanda de trabalho, buscando soluções que diminuam os custos e otimizem os recursos disponíveis.

Atividade do setor

Para os grandes lojistas do comércio eletrônico, a tendência é continuar investindo na locação ou criação de galpões para armazenamento de estoque.

O atrativo dessas estruturas está na possibilidade de criar um centro de distribuição mais próximo dos consumidores, economizando tempo e dinheiro na entrega.

Também existe uma expectativa no aumento de empregos na área de logística e transporte, motivada principalmente pela projeção no aquecimento da economia em 2020.

Exigências do consumidor

O consumidor do e-commerce tem se tornado cada vez mais exigente e isso não deve mudar em 2020. Esse comportamento impacta diretamente no setor de logística e transporte, que deverá criar novas e mais rápidas soluções de entrega.

Uma dessas soluções é a entrega no mesmo dia. Esse modelo já não é uma novidade, mas é, sem dúvida, um dos maiores desafios do setor. Sendo adotado somente por grandes e-commerces, como a Amazon, ou para entregas bem específicas, como em pedidos aprovados na mesma cidade de armazenamento dos produtos.

Dentro dessa expectativa de entrega cada vez mais rápida é fundamental que exista um investimento em tecnologias que integrem completamente o estoque real com os produtos em uma loja online, além de trabalhar com armazenamento em diferentes pontos que aproximem o produto do consumidor. 

Além disso, o consumidor também espera mais transparência no rastreamento das suas encomendas, com um acompanhamento em tempo real e mais preciso sobre a localidade do seu pedido.

Tecnologia

No Brasil, os investimentos em tecnologias devem ser focados para a redução de custos, indo de encontro com o contexto político econômico. 

A análise de dados deve ter um papel fundamental para o setor de logística e transporte, oferecendo resultados que devem ser utilizados como base para tomada de decisões mais estratégicas e embasadas. Ferramentas de Analytics serão fundamentais nessa etapa.

Além disso, também será necessário investir mais em segurança de dados em vista do aumento e diversidade nos dispositivos conectados a internet.

Por fim, o relatório conclui que o cenário econômico político de incerteza propõe uma necessidade em investir em soluções tecnológicas e práticas que tenham como objetivo principal a diminuição de gastos e mais cuidado na gestão de recursos, além de investir em ferramentas que aumentem a capacidade de previsão e adaptação à demanda de trabalho.

O relatório completo pode ser conferido aqui.

Confira também as tendências para o e-commerce em 2020.

Caso queira ficar por dentro das novidades do mundo do e-commerce cadastre-se na nossa newsletter.

Não se esqueça de também curtir nossa página no Facebook.

You may also like...