Como o storytelling pode ajudar o e-commerce a vender mais

Captar a atenção do consumidor não é uma tarefa simples. Afinal, no competitivo mundo do comércio eletrônico é preciso ter criatividade para se diferenciar todos os dias. O fato é que o consumidor está cada vez mais exigente. E, em meio a tanta tecnologia, um recurso simples pode ajudar sua loja virtual a se destacar. Estamos falando do storytelling, ou seja, um termo em inglês que pode ser traduzido como a arte de contar histórias. No entanto, você deve estar se perguntando: como o storytelling pode ajudar o e-commerce a vender mais? Bem, continue nos acompanhando que vamos falar um pouco mais sobre esse tema.

Storytelling x e-commerce

Contar e ouvir histórias interessantes faz parte da natureza humana. Ao longo de nossas vidas crescemos com narrativas sobre diferentes assuntos. É um processo que nos ajuda a amadurecer por meio de tudo o que vemos e vivemos.

E, quando essa habilidade é transferida para o mundo dos negócios virtuais, torna-se importante pensar na construção de um enredo que envolva o cliente, de tal modo, que ele fique encantado.

Em outras palavras, isso significa recriar o jeito de apresentar sua loja virtual, ou seja, com marca e produtos fortes.

Na prática, ao apresentar sua marca ou produtos, sua loja tem a chance de ativar alguns gatilhos mentais dos consumidores.

E, finalmente, com uma narrativa bem criativa, você vai perceber como o storytelling pode ajudar o e-commerce a vender mais.

Além da venda

O storytelling, por si só, já é um excelente recurso de marketing direto.

No entanto, esta estratégia vai além do conceito de vender.

E, aqui, estamos falando de outro ponto fundamental para quem é empreendedor: a construção da reputação da marca de seu e-commerce.

Portanto, ao construir uma narrativa em torno de sua empresa, é fundamental pensar em como isso pode impactar a vida do seu público.

Assim sendo, você pode usar a jornada do consumidor para medir o impacto das estratégias que seu e-commerce está usando no dia a dia.

Comunique-se de forma efetiva

A tecnologia tem evoluído muito nos últimos anos. Hoje, recursos como a Inteligência Artificial estão cada vez mais presentes nas empresas, facilitando o atendimento e otimizando o tempo.

Entretanto, não basta apenas automatizar os processos, já que a tecnologia é somente um dos pilares para que sua loja mantenha uma conexão forte e eficiente com seus clientes.

E aqui vale a pena reforçar o conceito do storytelling de contar histórias. Afinal, como já dissemos, uma boa narrativa que descreva, por exemplo, como o produto foi feito, pode criar uma conexão fiel junto ao seu público. E, certamente, sua marca não será esquecida.

Invista na emoção

Isso mesmo! A emoção faz parte de nossas vidas em todos os aspectos. E toda vez que nos envolvemos com algo, criamos um engajamento com aquilo que nos identificamos.

Assim sendo, seu e-commerce pode investir em histórias que tragam a emoção como ponto central.

Conte histórias ricas em detalhes, seja na descrição dos produtos ou mesmo sobre como sua empresa foi fundada; fale dos desafios diários e de como sua equipe trabalha.

O importante é criar uma identificação com seus clientes.

Explore as redes sociais

Além de criar narrativas no site de sua loja, explore as redes sociais com assuntos que vão prender a atenção do seu público.

Lembre-se: para que o storytelling seja realmente efetivo, sua história precisa ser única e ter uma mensagem clara para gerar identificação junto aos seus clientes.

Então, pense nisso da próxima vez que for planejar as estratégias de seu e-commerce.

Outras dicas

Toda semana você encontra aqui em nosso blog e nas nossas redes sociais assuntos atuais que podem ajudar a impulsionar o seu e-commerce.

Hoje falamos sobre como o storytelling pode ajudar o e-commerce a vender mais.

No entanto, se você quer saber mais sobre algum outro tema, escreva pra gente!

Estamos sempre prontos para ouvir nossos clientes. Afinal, você já sabe, mas não custa lembrar: com a Shoppub você vai mais longe!

Até a próxima semana!

Fonte: Freepik

You may also like...