Como usar a busca da sua loja para entender seus clientes

Quando os clientes fazem uma busca em um e-commerce, eles estão compartilhando informações sobre o que esperam daquele site e dos seus produtos. Os lojistas podem aprender com essas pesquisas, aumentar a taxa de conversão e a efetividade do marketing.

Para ajudar a entender o que se passa na cabeça dos clientes, veja essas informações sobre os resultados de busca em uma loja:

Como usar a busca da sua loja para entender seus clientes

Produtos mais buscados

Os produtos mais buscados fornecem informações que podem aumentar as vendas e melhorar a experiência do usuário. Os termos mais buscados em uma loja representam os produtos mais buscados e descrevem o que os clientes pensam sobre esses produtos.

Só essa informação já pode ajudar os lojistas a criar uma experiência de compra melhorada aos seus clientes.

Para ilustrar melhor essa situação, imagine que o termo mais buscado em uma loja seja “botas”.  Essa loja vende botas, então isso é normal. Mas vamos tentar responder algumas perguntas do porquê “botas” é o termo mais pesquisado.

 

Existe um problema com a navegação do site? Talvez o motivo de botas ser o termo mais buscado esteja relacionado com o fato de que a navegação do site não torna fácil encontrar esse tipo de produto. Será que uma simples correção pode melhorar o site?

Botas estão entre os mais vendidos? Se o termo botas está entre os mais buscados, então elas também devem estar entre as mais vendidas. Se elas não estão, qual o motivo?

O marketing está funcionando? Existe alguma campanha de marketing para botas atualmente? Existe algum conteúdo em blog ou vídeo no YouTube que esteja atraindo interesse na busca por botas?

O que o termo “botas” significa para os clientes? Será que o vendedor descreve os seus produtos como “botinas” ou “coturno” ao invés de botas? Será que o cliente tem dificuldade com alguns termos e não sabe qual o nome exato do produto?

 

Buscas com poucos ou nenhum resultados

Buscas com poucos ou nenhum resultados mostram a expectativa do cliente. Saber o que os seus clientes estão buscando e não encontrando pode ajudar os lojistas a descobrir novas linhas de produtos, compreender melhor as expectativas dos seus clientes e vender mais.

Quando um cliente busca por um produto e obtém poucos resultados, nós aprendemos pelo menos três coisas.

Primeiro, o cliente provavelmente está insatisfeito. Segundo, o cliente esperava que a loja tivesse aquele produto. Terceiro, talvez já exista uma demanda para aquele produto; adicioná-lo a sua loja pode resultar em vendas imediatas sem a necessidade de um investimento adicional em marketing. Isso pode aumentar significamente as suas conversões.

 

Tendências são oportunidades

Quando a frequência de buscas por um produto em particular aumentam, talvez seja o momento de o lojista aumentar o seu estoque desse produto. Por outro lado, se as pesquisas caem, é hora de reconsiderar compras futuras daquele item.

Monitorar as tendências de pesquisa podem garantir grandes oportunidades para vendas e melhorias na experiência do usuário.

Um exemplo: uma livraria notou um aumento nas pesquisas por livros da editora Cosac Naify. O lojista, sem saber o motivo do interesse repentino, pesquisou no Google algo sobre a editora e descobriu que ela estava finalizando as suas atividades.

Esse lojista decidiu então rever o seu inventário dos livros da editora e reservou alguns para os seus clientes mais assíduos, enviando um e-mail informando sobre os livros. Assim, os clientes fiéis foram mantidos, e provavelmente vão comprar os livros reservados.

O lojista foi capaz de fazer vendas porque aproveitou uma tendência do momento, além de aprofundar sua relação com seus clientes.

 

Busca filtrada

Uma busca filtrada e refinada identifica atributos e características dos produtos. No e-commerce é comum encontrar filtros no resultado das buscas, como cor ou tamanho, que ajudam o cliente a refinar o resultado da busca. Esses refinamentos podem fornecer informações sobre quais as características e atributos são mais importantes para os seus clientes.

Essas informações podem ser usadas para gerar novas campanhas de marketing ou conteúdo. Por exemplo, se um lojista especializado em eletrônicos descobre que seus clientes estão mais interessados em smartphones com câmeras de alta resolução, ele pode voltar o seu marketing para esses produtos.

Com esse conhecimento, o marketing da loja pode ser direcionado de forma diferente, e possivelmente com mais sucesso. A loja pode publicar vídeos no YouTube enaltecendo a câmera de alguns celulares ou publicar um post no seu blog sobre o assunto.

As informações sobre busca abrem inúmeras possibilidades, desde organização do inventário a direcionamento de marketing.

 

Fonte: Practical Ecommerce

You may also like...